sábado, 12 de fevereiro de 2011

Terapia do Elogio

Recebi um e-mail em Power Point esses dias: Terapia do Elogio. Aqui vai algumas palavras dele:

"Renomados terapeutas que trabalham com famílias, divulgaram uma recente pesquisa onde nota-se que os membros das famílias brasileiras estão cada vez mais frios, não existe mais carinho, não valorizamos mais as qualidades, só se ouvem críticas. (...) Só vemos pessoas fúteis valorizando artistas, cantores, pessoas que usam a imagem para ganhar dinheiro (...)"

Estamos buscando relacionamentos perfeitos, filhos perfeitos, empregos dos sonhos, coisas que não existem. Nossas relações só evoluem com o autoconhecimento e com o respeito aos limites dos outros, tanto no amor quanto no trabalho ou em qualquer área.

Estamos querendo ser bem sucedidos e amados e não amamos nosso próximo, não cedemos mais lugares aos mais velhos, não ajudamos mais as velhinhas a atravessar a rua, não jogamos mais o lixo nas lixeiras mas ATIRAMOS PELA JANELA DO ÔNIBUS, por falar nisso, quantas pessoas entram e saem do ônibus sem nem se quer olhar para o cobrador ou para o motorista? Ou são bem atendidos nas lojas e não tem coragem de agradecer, ou a delicadeza de perceber que se alguém erra por distração não quer dizer que seja incompetente, mas que aquela pessoa passa por momentos difíceis também, mas está ali, trabalhando decentemente, se esforçando para atendê-lo com um sorriso?

Estamos esquecendo do essencial, da pureza de nossos primeiros dias, estamos esquecendo de ser humildes, de que diante do Universo, não somos NADA.


Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...